top of page
Buscar

Quer abrir uma salgaderia ou trabalhar com salgados para festa? Veja as melhores dicas!

Abrir um negócio no ramo alimentício é sempre uma boa ideia, já que essa é uma área que consegue se manter aquecida mesmo durante as crises, como a que estamos vivendo.

Com uma salgaderia, você consegue vender salgados direto para os consumidores finais, produzir os quitutes para festas ou revendê-los para lanchonetes e outros estabelecimentos da sua cidade. Veja as dicas que separamos para tirar essa ideia do papel!




Comece aos poucos


O primeiro passo é fazer um bom planejamento do seu novo negócio. Avalie qual será o seu principal público, os custos das matérias-primas e dos equipamentos e a quanto você poderá revender cada salgado ou cento.

No início, comece aos poucos, comprando apenas os equipamentos mais básicos, como um freezer grande para congelar os salgados e um forno industrial, que terá uma capacidade de produção maior que o forno convencional.

Conforme o negócio for crescendo, você poderá expandir e usar o próprio lucro pra investir na compra de mais equipamentos. Se você quer começar trabalhando da sua casa, pode testar com o seu forno convencional e o freezer que já possui – e quando fidelizar os primeiros clientes, começar a investir.


Formalize o negócio


É muito importante que a sua salgaderia seja formalizada, pois isso lhe trará muitas outras oportunidades, como a chance de abrir uma conta no banco como pessoa jurídica, ter acesso a linhas de financiamento, conseguir comprar com fornecedores especializados (e com um bom desconto) e vender para outras empresas que exijam a emissão de nota fiscal.

A melhor alternativa para os pequenos negócios costuma ser o MEI. Mas atenção porque o local onde você produz seus salgados precisará se adequar às normas da vigilância sanitária. Então, certifique-se antes de quais são essas exigências.


Pense nos seus diferenciais


A concorrência é grande para quem deseja abrir uma empresa de salgados. Mas isso não pode te desanimar. Pense nos diferenciais que seus produtos terão e tente oferecer algo diferente da concorrência.

Por exemplo, você pode focar em desenvolver salgados fitness, para quem faz dieta, ou com recheios e massas diferentes, como opções vegetarianas, veganas, low carb, sem glúten, sem lactose etc.

É claro que seu diferencial também poderá ser a possibilidade de montar centos mistos, a velocidade de produção, o atendimento diferenciado e personalizado e assim por diante. Estude a sua concorrência e saiba o que eles não estão fazendo – focando em atuar nessa área.


Crie uma marca


A apresentação faz toda a diferença na hora de atrair e conquistar os clientes. Crie uma identidade visual e um nome para a sua salgaderia e invista em trazer mais profissionalização ao seu empreendimento.

Essa identidade visual deve ser usada nas suas redes sociais, nos panfletos dos seus produtos e em toda a comunicação com os seus clientes.


Encontre bons fornecedores


A qualidade do seu produto (e o preço final dele) dependerão muito dos fornecedores que você usa. Quanto melhores eles foram, mais chances de prosperar a sua salgaderia terá.

Opte por fornecedores que trabalhem com produtos de qualidade, tenham pontualidade na entrega e ofereçam boas condições de pagamento. Nem sempre o mais barato é o melhor. Analise o custo-benefício dessa parceria.


Divulgue seu novo empreendimento


A máxima do “quem não é visto, não é lembrado” ainda faz muito sentido. Então, se você deseja atrair novos clientes para a sua empresa, é preciso investir.

Crie uma página comercial nas principais redes sociais, como o Facebook e o Instagram, e poste sobre seus produtos, com fotos chamativas, cardápio e uma boa descrição. Use os stories para criar uma relação com os seguidores, mostrando os “bastidores” da produção, ou fazendo vídeos deliciosos dos seus salgados.

O WhatsApp também é um canal muito importante para esse contato – e você poderá pensar em trabalhar com um sistema de delivery.

Outra ideia é criar promoções para determinados dias da semana ou datas comemorativas, ajudando a aumentar as vendas e a tornar a sua empresa ainda mais conhecida, além de programas de fidelização, como descontos para quem compra sempre com você.

Viu só quantas dicas bacanas para abrir a sua própria salgaderia? Aproveite e compartilhe esta ideia com seus amigos nas suas redes sociais!

83 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page